Camolas, um homem só

                            "No Pinhal Novo, amparado a uma bengala, olhar no infinito, 
um ex-jogador, bom de bola, luta tenazmente pela vida... "


"Com dificuldade, muita, mesmo muita dificuldade, Camolas pronuncia a custo algumas frases. Não consegue movimentar o braço direito e segura uma bengala que o apoia nos movimentos" "A voz prende-se-lhe, as palavras não saem como quer. como era diferente o tempo em que agarrava na bola e caminhava para a baliza. Só o sorriso é igual."

In "A BOLA Magazine" nº 99 de Agosto de 1995.

2 comentários:

BARRAGON disse...

Para quando um jogo de homenagem ao GRANDE JOGADOR CAMOLAS,ORGANIZADO PELO BENFICA,BELENENSES,UNIAO DE TOMAR E VARZIM,AGORA QUE ELE ESTA A PRECISAR DO APOIO DE TODOS.BARREIRENSE SEMPRE.

BARRAGON disse...

E TORNO A REPETIR PASSADOS 4 ANOS,PARA QUANDO UM JOGO DE JUSTA HOMENAGEM A UM JOGADOR,QUE NOS DEU IMENSAS ALEGRIAS,NOS NOSSOS ESTADIOS,NÃO SO PELOS BELOS GOLOS QUE MARCOU,ASSIM COMO PELA SUA VALENTIA,QUE A SUA SAUDE VAI-SE DETERIORANDO,DIA A DIA,QUEM VIVEU A CUSTA DOS SEUS GOLOS,ESQUECEU-SE DEPRESSA DESTE FUTEBOLISTA ESQUECIDO ALGURES PELO PINHAL NOVO.