Magnifico instantâneo captado num Sporting - Belenenses Oito jogadores na expectativa: será que vai ser golo ?

📷Manuel Fernandes (SCP), Carlos Pereira, Luís Horta, Francisco Barão (SCP), Vítor Esmoriz, Alexandre Alhinho, Luís Norton de Matos e Rui Jordão (SCP)

⚽Estádio José Alvalade, 4 de Dezembro de 1977. Campeonato nacional: 10ª jornada. Arbitrado por Lima da Costa, ajudado por Alfredo Pereira e Joaquim Faria, ambos «pescados» entre a assistência, as equipas alinharam:

⛹Belenenses - Rui Paulino; Sambinha, Luís Horta, Alhinho e Carlos Pereira; Vasques, Isidro e Esmoriz (José Maria, aos 77'); Drissa (Amaral, aos 45'), Clésio e Norton de Matos.

➤Treinador: António Medeiros

⛹Sporting - Botelho; Artur, Laranjeira, Meneses e Da Costa; Barão, Manaca e Ailton (Fraguito, aos 81'); Manuel Fernandes, Jordão (Freire, aos 88') e Isaías.

➤Treinador: Paulo Emílio

⚽Marcadores: Jordão, aos 34' de penalty e aos 49'; Manuel Fernandes, aos 63'; Amaral, aos 86'. Resultado Final: Sporting, 3 - Belenenses, 1

Belenenses e Porto foram dois galos com medo da raposa tal o respeito mútuo que demonstraram taticamente

📷Seninho, Alhinho, Luís Horta, Rui Paulino, Duda📷

⚽Estádio do Restelo, 6 de Novembro de 1977. Campeonato Nacional: 7ª jornada. Enorme assistência (23.000 espectadores), que contribuíram para os 2.200 contos de receita, montante importante para o exaurido cofre do clube. Trio de arbitragem: António Garrido, Virgílio Alves e Rui Gião (C.A. de Leiria).
Os Grupos, alinharam:

⛹Belenenses - Rui Paulino; Sambinha, Luís Horta, Alhinho e Carlos Pereira; Didinho (Esmoriz), Eurico (Amaral) e Hertz; Vasques, Clésio e Norton de Matos.

➤Treinador: António Medeiros

⛹Porto - Fonseca; Gabriel, Simões, Freitas e Murça; Teixeira, Rodolfo, Duda e Oliveira (Ademir); Vital e Seninho.

➤Treinador: José Maria Pedroto

⚽Resultado final: Belenenses, 0 - F.C. do Porto, 0

Clésio foi o maior de todos e Rui Paulino - em parceria com Carlos Pereira - meteu no bolso os avançados do Boavista

📷Alexandre Alhinho e Luís Horta tentam travar o boavisteiro Moinhos. Albertino e o árbitro, Raúl Nazaré, seguem o desenrolar da jogada📷

 

⚽Estádio do Restelo, 22/01/1978. Jornada 14 do campeonato nacional. Jogo primorosamente arbitrado pelo setubalense Raúl Nazaré, apoiado por António Jorge e José Martins.

⛹Belenenses - Rui Paulino; Sambinha, Luís Horta, Alhinho e Carlos Pereira; Vasques, Esmoriz e Hertz (Drissa); Amaral, Clésio e Norton de Matos (Isidro).

➤Treinador: António Medeiros

⛹Boavista - Matos; Trindade, Amândio, Carolino e Artur; Barbosa, Nogueira (Vítor Pereira), Albertino e Francisco Mário; Moinhos e Salvador.

➤Treinador: Fernando Caiado

⚽Marcador: Aos 32' um fulgurante toque de Clésio para Amaral proporcionou ao Belenenses, o único golo da partida. Resultado: Belenenses, 1 - Boavista, 0.

No Belenenses Rui Paulino foi a couraça e Hertz a ausência numa partida de toada morna com acelerações «verdes»

📷Luís Horta, Rui Jordão e Luís Norton de Matos

⚽Estádio José Alvalade, 4 de Dezembro de 1977. Campeonato nacional: 10ª jornada. Arbitrado por Lima da Costa, ajudado por Alfredo Pereira e Joaquim Faria, ambos «pescados» entre a assistência, as equipas alinharam:

⛹Belenenses - Rui Paulino; Sambinha, Luís Horta, Alhinho e Carlos Pereira; Vasques, Isidro e Esmoriz (José Maria, aos 77'); Drissa (Amaral, aos 45'), Clésio e Norton de Matos.

➤Treinador: António Medeiros

⛹Sporting - Botelho; Artur, Laranjeira, Meneses e Da Costa; Barão, Manaca e Ailton (Fraguito, aos 81'); Manuel Fernandes, Jordão (Freire, aos 88') e Isaías.

➤Treinador: Paulo Emílio

⚽Marcadores: Jordão, aos 34' de penalty e aos 49'; Manuel Fernandes, aos 63'; Amaral, aos 86'. Resultado Final: Sporting, 3 - Belenenses, 1

O Belenenses desenvolveu bons lances de ataque e esteve sempre activo e empreendedor com boa réplica varzinista

📷Ernesto já «picou» a bola sobre o guarda-redes poveiro, Justino, e vai marcar o primeiro golo do jogo. O «azul» Sérgio, em passo de corrida, vai limitar-se a confirmar a marcha da bola em direcção à baliza. O varzinista, Quim, limita-se a testemunhar o lance 📷

⚽Estádio do Restelo, 11/02/1968. Campeonato nacional da época de 1967/68: 15ª jornada. Jogo com reduzida assistência e dirigido pelo árbitro Saldanha Ribeiro, de Leiria. Os grupos, alinharam do seguinte modo:

⛹Belenenses - Gomes; Caneira, Quaresma, Freitas, e Esteves; Manuel José e Luciano; Fernando, Ernesto, Sérgio e Godinho.

➤ Treinador: Manuel de Oliveira

⛹Varzim - Justino; Fernando Ferreira, Quim, Salvador e Sidónio; Serrão e Marques; Rico, Nunes Pinto, Campinense e Leonardo.

➤ Treinador: Ricardo Perez

⚽Marcadores: 1-0, por Ernesto aos 10'; 2-0, por Ernesto, aos 20'; 2-1, aos 62' por Nunes Pinto; 3-1, aos 85' por Manuel José. Resultado final: Belenenses, 3 - Varzim, 1.  

Faleceu Peribaldo Santos da Silva Filho

16/04/1953 - 07/10/2022
Representou o Belenenses durante a 2ª volta do campeonato da época de 1980/81.
 

O Belenenses jogou em casa emprestada (Luz) obtendo difícil vitória sobre o Leixões em jogo de bom andamento

Ernesto, muito rápido e oportuno enfia a bola na baliza leixonense pela segunda vez

⚽Estádio da Luz, 3/12/1967. Jogo da 8ª jornada do campeonato nacional, disputado em casa emprestada, perante razoável assistência e sob a arbitragem do árbitro de Setúbal, sr. Mário Mendonça. Os grupos:
⛹ Belenenses - Gomes; Rodrigues, Quaresma, Freitas e Esteves; Manuel José e Alfredo; Lua, Ernesto, Sérgio e Ramos.

➤Treinador: Manuel de Oliveira

⛹Leixões - Fonseca; Rocha, Manuel Moreira, Nicolau e Raúl; Bené e Júlio Teixeira; Praia, Horácio, Ventura e Neca.

➤Treinador: António Teixeira

⚽ Marcadores: 1-0, aos 5' por Ernesto; 2-0, aos 25' por Ernesto; 2-1, aos 38' por Horácio. Resultado final: Belenenses, 2 - Leixões, 1.

Foto publicada originalmente em 31/08/2015 

Faleceu Benvindo Assis

 Olhão, 07/10/1941 - Azeitão, 20/09/2022

⚽Júnior do Belenenses nas épocas 1958/59 e 1959/60⚽
⚽Sénior do Belenenses nas épocas 1960/61 e 1965/66 a 1969/70⚽

Os prognósticos dos 4 belenenses seleccionados para o XVI desafio de futebol entre Portugal e Espanha

 « - Tenho muita fé neste jôgo. Encontro difícil, sem dúvida, mas entre nós está firmado o pacto: «Um por todos, todos por um !». Quanto ao resultado, sei que será uma vitória nossa pela diferença mínima. E espero que a sorte nos acompanhe» António Feliciano

« - É difícil. Mas o grupo estará em campo com uma vontade férrea de obter o desejado resultado. Eu, por mim, vou com a ideia fixa em furar as rêdes de Eizaguirre.» Rafael Correia

« - É sempre difícil uma opinião. No entanto, vejo o grupo cheio de boas esperanças. E nisto, o necessário é haver vontade e sorte. O resto virá depois...» Artur Quaresma

« - Não conheço os espanhóis em jôgo. Parece-me um encontro difícil. Quanto ao resultado tenho esta opinião: Eu quando jógo espero sempre ganhar...» Mariano Amaro

Sério pelo lápis de Adriano Baptista

 

"No seu traço característico, à maneira americana, o artista Adriano Baptista, de Olhão, dá-nos mais um belo trabalho, a caricatura do guarda-redes Sério, do Belenenses. 
O jogador foi estupendamente surpreendido, e reproduzido no seu carácter, dando-nos o artista um trabalho de verdadeira análise psicológica."

 

In "Stadium" nº 309 de 3 de Novembro de 1948

Serafim das Neves pelo lápis de Adriano Baptista

Serafim, o médio belenense e internacional, visto pelo grande artista algarvio Adriano !
Serafim é a força e a vontade personificadas, um homem com que um team pode contar, tanto nos momentos de glória como da desgraça. 
Investido nas funções de Capitão da categoria de honra do Belenenses, Serafim continua a ser o melhor camarada e aquele que está sempre disposto a sacrificar-se e a animar os seus companheiros.

De branco vestido o Belenenses foi mais azul que os azuis-brancos do Porto

📸 Flávio e Quinito

Belenenses, 3 - F.C.Porto, 2: ⚽Golos marcados por Abel (14'), Lemos (28'), Godinho (40'), Ernesto (54') e Carlos Serafim (74').

➤ Estádio do Restelo, 12 de Dezembro de 1971:                                      décima-primeira jornada do campeonato nacional.

⛹Belenenses - Mourinho; Murça, Quaresma, Freitas e João Cardoso; Quinito, Estêvão e Zezinho. Ernesto, Laurindo (Carlos Serafim, aos 68') e Godinho (Teles, aos 79').
Treinador: Zezé Moreira
⛹F.C.Porto - Rui; Manhiça, Gualter, Valdemar e Rolando; Bené, Pavão e Ricardo; Abel (Lemos, aos 15'), Flávio e Nóbrega.
Treinador: Paulo Amaral

A sensacional estreia de José Manoel Soares «Pepe» na 1ª categoria do Club de Foot-Ball «Os Belenenses»

📸 Francisco Costa saiu a tempo e evitou que o avançado belenense (Pepe) marcasse mais um «goal» neste Bemfica, 4 - Belenenses, 5... de tristes recordações para os vermelhos.

⛹Belenenses - Alaiz; Eduardo Azevedo e Viriato; Raúl Azevedo, Augusto Silva e César de Matos; Fernando António; Tiago Severo, Joaquim de Almeida, «Pepe» e Alfredo Ramos.

⛹Benfica - Francisco Costa; Bailão e Pimenta; Travassos, Gonçalves e Domingos; Simões, Mário, Jorge Hugo, Crespo e Figueiredo.

⚽Marcadores: 1-0, por Jorge Hugo; 1-1, Joaquim de Almeida; 2-1; 3-1 por Crespo; 4-1; 4-2; 4-3; 4-4, por Joaquim de Almeida; 4-5, por «Pepe», de «penalty, por derrube a Severo Tiago. Resultado final do «match»: Bemfica, 4 - Belenenses, 5.

O desafio ansiosamente aguardado e que o público no Estádio viu embasbacado: B.S.B. - S.Lorenzo de Almagro

Revista «Stadium», edição de 5 de Fevereiro de 1947
📷«S.Lorenzo de Almargo - B.S.B.: Uma boa defesa de Capela, sob as vistas de Feliciano e de Postoni, um avançado que maravilhou o público»

Para onde foram os antigos campeões regionais juniores do Belenenses de 1953 ?

Em 1952/53 o Belenenses ganhou o campeonato de Lisboa de juniores, tendo perdido a final do Campeonato Nacional com o F.C. do Porto.

«Crónica Desportiva», edição de 26 de Maio de 1957 

O Belenenses andou a par do adversário, jogando mal na segunda parte, depois de não ter jogado nada na primeira

 Campo Grande, 17/02/1924: Benfica, 2 - Belenenses, 2
3ª jornada da 2ª volta do Campeonato de Lisboa da época de 1923/24
«O Bemfica marcou dois «goals» na primeira parte, jogando mal, e sofreu outros dois no segundo tempo, jogando peior.»

«Daquele descalabro de vinte e duas cabeças e quarenta e oito pés, salvou-se Alberto Rio, que jogou como um «az sem mistura».» 

O «half-back» belenense Francisco Pereira safa com brilho uma bola a que o «keeper» Mário Duarte já não chegaria

«Stadium do Lumiar», 26 de Março de 1922  
Final do Campeonato de Lisboa da época 1921/22
Os Belenenses foram vencidos pelo Sporting por 2 "goals" a 0
➤«Como era natural esta partida entusiasmou todo o público desportivo. De tal forma que, devido à anormalidade dos transportes, a A.F.L. pediu à CP o estabelecimento de um comboio especial do Rossio para Entre-Campos».
⛹Belenenses - Mário Duarte; Eduardo Azevedo e Júlio Morais; Alfredo Anacleto, Artur José Pereira e Francisco Pereira; Fernando António, Francisco Ferreira; Joaquim de Almeida, Joaquim Rio e Alberto Rio.

⛹Sporting - Amadeu Cruz; Joaquim Ferreira e Jorge Vieira; João Francisco, Joaquim Filipe dos Santos e Henrique Portela; Torres Pereira, Jaime Gonçalves, Francisco Stromp, Emilio Ramos e José Leandro.

⚽ Marcadores: Jaime Gonçalves, aos 25' de penalty; Emilio Ramos, na 2º parte.

🚩Árbitro: Neves Eugénio, da Associação de Foot-ball do Porto, que teve uma arbitragem muito infeliz e com grande influência no resultado. Foi auxiliado pelos Srs. Coronel Ribeiro dos Reis e Victor Gonçalves.