Os defensores da baliza do Belenenses na época 1955/56

Nascimento, Nogueira, José Pereira, Carvalho e Filhó

Época de 1955/56. José Pereira, é o guarda-redes titular indiscutível. Francisco Filhó, Joaquim Maria Nogueira e Carvalho disputam a suplência da equipa de honra e a titularidade da equipa de «reservas». Alfredo Nascimento, ainda com idade de júnior, «subiu» a sénior. Geadas e Silveira disputam a titularidade da equipa de juniores.
No inicio de Maio de 1956, o campeonato tinha terminado mas havia ainda a «Taça de Portugal» para disputar, além de um compromisso internacional (dois jogos com o Sevilha). José Pereira, fractura duas costelas num jogo com o Montijo, a contar para a «Taça». Perante esta contrariedade foi decidido «requisitar» Manuel Martelo, ao Lusitano de Évora, para o substituir.
Após alguns treinos, por algum motivo, foi decidido prescindir de Martelo, que regressou à «base» sendo imediatamente substituído por Ramin, emprestado pela Académica, para os jogos ocasionais com o Sevilha. 
Nogueira, foi o titular nos jogos da «Taça»: o Belenenses, eliminou (3-2) o Caldas (...o Caldas deu que fazer nas Salésias) e foi eliminado, nas meias-finais, pelo Torreense (3-2). 
Orlando Ramin, viria a representar o Belenenses duas épocas depois (1957/58)

Sem comentários: