A Despedida de Mariano Amaro alcançou invulgar brilhantismo !

"A BOLA" de 26 de Dezembro de 1948


Mariano Amaro, capitão da equipa Campeã Nacional em 1946, jogador genial, chamado o "Einstein" do futebol português, tornando-se durante décadas um modelo para os médios-ala. Foi também, durante muito tempo, um dos jogadores com mais internacionalizações. As suas disputas com o jogador Pinga, do F.C.Porto, outro grande jogador, marcaram uma época.Além do Campeonato Nacional de 1946, ganhou a Taça de Portugal de 1942 e os Campeonatos de Lisboa (ao tempo quase tão importantes como os Campeonatos Nacionais) de 1943/44 e 1945/46
Fonte: WIKIPEDIA

Sem comentários: